23 de set de 2015

Canavieiras comemora Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência


A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) em parceria com a Associação Canavieirense de Deficientes (Acandef), promoveu um desfile pelo Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência, celebrado nesta segunda-feira (21). A caminhada – também em homenagem à abertura da primavera - saiu da Escola Noécia Vidal Cavalcanti, às 9 da manhã, percorrendo a avenida Osmário Batista, até chegar à sede da Secretaria da Educação, na praça da Bandeira. A diretora da Escola Raio de Sol (onde funciona a Apae), Isa Ramalho, afirmou que a intenção é conscientizar todos para facilitar o acesso das pessoas com deficiência às oportunidades, abrangendo diversas esferas. “O objetivo é mobilizar a população para a compreensão dos assuntos relativos à deficiência, defesa da dignidade, dos direitos e do bem-estar destas pessoas”, disse a diretora. O desfile contou com a participação dos assistidos pela Acandef e dos alunos da Apae, que durante o percurso fizeram apresentações culturais e artísticas. Os segmentos foram divididos em alas, de acordo com o ritmo musical: Carimbó, zumba e as cadeirantes vestidas de bailarina. À frente do desfile estava a Rainha da Primavera e as alunas da Apae, que participam do Projeto Allegro de Balé. A Apae de Canavieiras promove a integração e inclusão da pessoa com deficiência intelectual através de diversas ações que buscam fortalecer a autoestima da pessoa com deficiência ao mesmo tempo que mostra as suas potencialidades. “A Apae tem um compromisso especial com a promoção humana e social dos alunos, aprendizes e suas famílias, e por isso realiza ações integradas com as diversas esferas da sociedade na busca da garantia e cumprimento dos direitos dos deficientes”, declarou a diretora. Dia nacional – O Dia Nacional de Luta das Pessoas Deficientes foi instituído pelo movimento social em Encontro Nacional, em 1982, com todas as entidades nacionais. Foi escolhido o dia 21 de setembro pela proximidade com a primavera e o dia da árvore numa representação do nascimento das reivindicações de cidadania e participação plena em igualdade de condições. A data foi oficializada através da Lei Federal nº 11.133, de 14 de julho de 2005. Esta data é comemorada e lembrada todos os anos desde então em todos os estados; serve de momento para refletir e buscar novos caminhos e como forma de divulgar as lutas por inclusão social. No Brasil, segundo o IBGE, 14,5% da população tem algum tipo de deficiência (algo em torno de 24,5 milhões de pessoas). Os direitos dos deficientes estão garantidos
na Constituição Federal de 1988 e o Brasil tem uma das legislações mais avançadas
 

Jabinho Sena Copyright © -- Site criado em 25/06/2011 #Camacan Bahia# 2011/2015