WhAtsapp

WhAtsapp

segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Zeca Pagodinho passa mal e deixa velório do filho no Rio

Zeca Pagodinho passou mal durante o velório do filho mais velho, Elias Gabriel da Silva, 28 anos, que morreu na madrugada deste domingo (4). O cantor chegou ao Cemitério de Irajá, Zona Norte do Rio de Janeiro, por volta das 14h. Abalado, Zeca ficou ao lado da mulher Mônica Silva, e de três filhos Eliza, Louis e Eduardo. 

Ele ficou até o momento do sepultamento, às 17h. Gabriel morreu por complicações pneumológicas ocasionadas por um coágulo no cérebro, segundo relatou a assessoria de imprensa do artista. "Entendo a necessidade de uma declaração minha sobre este momento, mas na verdade não tenho o que falar a não ser que Gabriel era um filho querido e uma pessoa adorada. Não só pela família, mas também pelos amigos. Nos deixou muito cedo. O que dizer sobre a morte de um filho? Não consegui ficar, pois, além de ainda estar me recuperando da cirurgia na coluna, não me senti emocionante preparado para o final. Que Deus o ilumine!", disse o Zeca através de um comunicado enviado à imprensa. A mulher e os irmãos de Gabriel permaneceram no velório sem falar com a imprensa. Carregando rosas brancas, eles seguiram no cortejo e rezaram o "Pai-Nosso" debaixo de uma fraca chuva. 

Horas antes do sepultamento, a filha de Zeca, Eliza Piquet, publicou um texto em homenagem ao irmão no Instagram. "Eu não queria que o ano novo fosse assim. Queria poder passar bem juntinho de você,rindo,comemorando e bebendo. Queria poder ter todos aqueles momentos de volta, queria ter você de volta aqui. Meu irmão querido, não consigo entender a vida direito e não entendo porque levam pessoas boas como você. Eu só tenho a dizer que vou sentir muita saudade. Você era meu melhor amigo e o meu irmão querido. E agora quem vai me deixar informado das tendências ??? Quem vai me dizer coisas engraçadas nos piores momentos ? Eu só sei que agora o céu está em festa cheias de porpurina esperando você. Eu só queria te dizer mais uma vez das milhões de vezes que já te falei. Eu te amo. E vou te amar até a eternidade. Descanse em paz meu anjo negro!" 

0 comentários:

Postar um comentário